quarta-feira, 28 de maio de 2014

a ampulheta


É tão manhosa, tão oportunista esta parelha que até tenta inverter a situação, como se os vencedores das eleições tivessem sido eles. Colados ao poder destacam uma insípida Cecília de serviço e dizem que agora vão governar melhor, dando a ideia de que nada se passou, que nada aconteceu. A esquerda maioritária com mais de 50% desorganizada como é tradição olha para o palácio... e é por isso que proliferam os efêmeros marinhos pintos que se diluirão nas areias dos tempos. Entretanto, a Europa esfuma-se em divisões que arruinam as populações...

3 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

A cena que apresenta hoje
faz-me lembrar o relógio do Paulo,
começou agora a contar
que António vai p´ro lugar

jrd disse...

Disseste tudo. Agora tira esses dois e vira a ampulheta.

maceta disse...

JRD

dou-lhes forte é com a maceta...