quarta-feira, 19 de outubro de 2011

o patético do nevoeiro


Depois do episódio protagonizado por aquela deputada da ala "orangista" , saída ao que parece de uma associação de estudantes, fazendo chamadas telefónicas para o Inem para afiançar das capacidades do serviço, aparece este desconhecido, na AR, armado em filósofo de ocasião... a botar discursos repletos de simbolismos completamente inoportunos; na bancada, um outro, estreante, filho de um Menezes de Gaia. Este, então, fazendo carreira, exibe frequentemente prosápias, formulando a "douta" opinião... estamos mal servidos agora e estaremos mal servidos na continuidade se este "material" vingar. Entretanto, o pessoal a pagar, a pagar...

4 comentários:

O Guardião disse...

É gente com este estofo que nos dirige, vinda das jotas, sem nenhum percurso de vida que os tenha preparado para as funções, e é o que se vê.
Cumps

Pata Negra disse...

Não tarda jogar-se-á playstation durante os plenários.

contradicoes disse...

Que grande patacoada
comeu este indígena
foi muito ridicularizada
que nem ele sequer imagina

mfc disse...

Deixem-nos esticarem-se...