quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

o facilitador...


Não pára de surpreender. As suas capacidades inatas, a flexibilidade, a idoneidade (...), a sua faceta de empreendedor reconhecida, a sua tenacidade, a sua equivalência mais as suas equivalências... e, ou muito me engano ou é mais um banco que iremos pagar.

3 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Esse excremento
é um filho
do 25 de Novembro!!

Emblemático

O Puma disse...

O desgoverno anterior já colaborou

500 disse...

Mais um banco a pagar? Vade retro! Mas se não houver cuidado suficiente é o que temos mais certo. Este rapaz tem esperto no cabeça, como bem é sabido.