quinta-feira, 17 de setembro de 2015

afinal...


quem chamou a troika?

5 comentários:

500 disse...

Formal e institucionalmente foi aquele cujo nome não se pode dizer. Na realidade, foram todos os demais, contra a vontade do cujo, que foi obrigado a botar a assinatura, com o avô Pilatos, qual juiz e notário, a reconhecer tal assinatura.

Anónimo disse...

http://viriatoapedrada.blogspot.pt/

Rogerio G. V. Pereira disse...

É pá, tens que abrir mão à cópia
Esta merecia ser copiada

maceta disse...

copia à vontade Rogerio

jrd disse...

Éh pá! Deixa cair o pano!