segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

em casa da ferreira...


Se a mulher potente cuidasse com maior rigor dos problemas da sua casota é que seria  relevante. Embora cerca de 4% pareçam uma franja mínima, transformados em gente é muita gente... convem lembrar os podres no meio da prepotência.

2 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Um dia a casa vai abaixo
é o que eu acho

jrd disse...

E se ela pagar o que deve, o número até pode aumentar.