terça-feira, 8 de abril de 2014

o ex fujão...


a verdade é como o azeite, vem sempre ao de cima... no caso, não é o ex-maoista,o fujão, mas o líquido gorduroso onde ele assenta os joanetes.

3 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Assenta por enquanto
Há-de afogar-se no próprio ranço

500 disse...

Oleoso, mais oleoso, não há. É um cherne da costa, sem qualidade, mas habilidoso e matreiro. Só compra quem quer ser enganado. Antes sardinha ou petinga.

jrd disse...

Óleo de cherne deve ser pior do que de fígado de bacalhau.