quinta-feira, 20 de março de 2014

excrecências


devia haver um tratamento especial para políticos com patologia nasal

5 comentários:

500 disse...

Só cortando o apêndice nasal é que o sujeito tem emenda. E, já agora, a língua.

Zé Marreta disse...

Uma no cravo outra na ferradura. Diz-se e contradiz-se.

Saudações!

heretico disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
heretico disse...

aproximam-se eleições - crescem os narizes.

jrd disse...

Assoá-lo com lixa nº5.